Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Doutoranda da EPM/Unifesp compõe equipe do Ministério da Saúde

Publicado: Sexta, 20 de Janeiro de 2023, 14h31 | Acessos: 10224

Alícia Krüger assumirá a Assessoria de Políticas de Inclusão, Diversidade e Equidade em Saúde

Ouça acima o conteúdo deste artigo.

A travesti Alícia Krüger, doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Endocrinologia e Metabologia da Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo (EPM/Unifesp) - Campus São Paulo, foi convidada para integrar a equipe do Ministério da Saúde. Sanitarista, farmacêutica e epidemiologista, ela assumirá a recém-criada Assessoria de Políticas de Inclusão, Diversidade e Equidade em Saúde, ligada à Secretaria de Vigilância em Saúde e Ambiente (SVSA).

 

Alícia Krüger M.Saúde PORTAL

Foto: Reprodução/LinkedIn

 

“É com alegria que aceito esse grande desafio em minha carreira profissional em prol da construção de um SUS mais equânime e uma Vigilância em Saúde que visibilize todas as pessoas”, comemorou a nomeação em uma rede social.

“Travestis e demais pessoas trans em espaços e posições de decisão: eis o lema da Democracia que volta ao país", acrescenta.

 

Alícia Krüger (Foto: Vinicius Loures/Câmara dos Deputados)

Alícia é especialista em gestão de políticas de DST/aids, hepatites virais e tuberculose, mestre em saúde coletiva. Também é consultora do Conselho Federal de Farmácia (CFF), coordenando questões relacionadas à saúde LGBTQIA+ e outras populações vulneráveis, e atuou no Governo do Distrito Federal, sendo uma das responsáveis pela implementação do serviço de farmácia clínica do Ambulatório Trans no DF.

 

Fontes: DCI/Unifesp e Metrópoles

 

Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 
Categoria:

Vírus do passado: descoberta em ossos neandertais pode reescrever a história das pandemias

Estudo liderado pelo Centro de Bioinformática Médica da Unifesp revela vírus ancestrais em restos de...

Departamento de Psicobiologia testa efeito de medicamento na diminuição do desejo por bebidas alcoólicas

Homens entre 18 e 50 anos que residem na cidade de São Paulo podem participar como voluntários

Exame de sangue pode ajudar a prever o risco de apneia obstrutiva do sono

Estudo conduzido por pesquisadores do Instituto do Sono e da Unifesp revela que as concentrações...

Fim do conteúdo da página