Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Unifesp conquista quatro condecorações no Prêmio Capes de Tese - 2022

Publicado: Quinta, 11 de Agosto de 2022, 16h55 | Acessos: 15936

O Prêmio é outorgado anualmente em reconhecimento às melhores teses de doutorado aprovadas nos cursos de pós-graduação

Ouça acima o conteúdo deste artigo.

tese 2022 premio

Por Loane Carvalho

A Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) conquistou quatro condecorações no Prêmio Capes de Tese, sendo duas menções honrosas. O resultado da premiação promovida pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior foi divulgado nesta quinta-feira, 11 de agosto, no Diário Oficial da União (DOU), e elenca dois estudos desenvolvidos nos Programas de Pós-Graduação da Escola Paulista de Medicina (EPM) e um na Escola Paulista de Enfermagem (EPE) - Unidades Universitárias do Campus São Paulo (CSP/Unifesp). No total, 49 trabalhos foram premiados e outros 96 receberam menção honrosa.

Prêmio Capes de Tese - Edição 2022

Marina Roizenblatt recebeu o reconhecimento na área de Medicina III pela tese External factors related to hand dexterity analyzed by an ophthalmic microsurgical simulator: principles for improving skills in vitreoretinal surgery, sob a orientação de Maurício Maia, do Programa de Pós-graduação em Oftalmologia e Ciências Visuais da EPM. Já Laís Mariano Zanin foi reconhecida na área de Nutrição pelo trabalho The interplay between food handlers and food safety culture: assessment strategies and educational actions to the proactive evolvement, sob orientação de Elke Stedefeldt, do Programa de Pós-graduação em Nutrição da EPM.

Menções Honrosas - Prêmio Capes de Tese - Edição 2022

A pesquisadora Larissa Perez Pardo foi destaque na área da Enfermagemcom a tese Níveis de marcadores de hemólise de concentrados de glóbulos vermelhos administrados por bombas de infusão por seringa segundo marca, velocidade de infusão e comparação com dispositivos de controle manual de fluxo, sob orientação de Mavilde da Luz Gonçalves Pedreira e co-orientação de Lyvonne Nicole Tume, do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da EPE.

No campo Interdisciplinar, a tese Desenvolvimento de processos químicos sustentáveis para extração de carotenoides de Bactris gasipaes: aplicações tecnológicas e nutricionais, de Leonardo Mendes de Souza Mesquita, orientado por Veridiana Vera de Rosso e coorientado por Luciana Pellegrini Pisani, do Programa de Pós-graduação Interdisciplinar em Ciências da Saúde do Campus Baixada Santista da Unifesp.

Sobre o prêmio

O Prêmio Capes de Tese reconhece os melhores trabalhos de conclusão de doutorado defendidos em programas de pós-graduação brasileiros de acordo com os seguintes critérios: originalidade do trabalho, relevância para o desenvolvimento científico, tecnológico, cultural, social e de inovação e o valor agregado pelo sistema educacional ao candidato. Criado em 2005 e entregue pela primeira vez em 2006, ele abrange todas as áreas de conhecimento que têm um representante na avaliação da pós-graduação stricto sensu. Um dos objetivos da iniciativa é aumentar a visibilidade das ações positivas e indutoras da Capes na pós-graduação brasileira.

 

 

 

Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 
Categoria:

Outubro Rosa: quanto antes, melhor

O diagnóstico precoce aumenta as chances de cura

Ação Mil Tsurus

Divulgação da Ação Mil Tsurus

Ieda Maugéri: conheça a trajetória da docente que dedicou 45 anos de trabalho à Unifesp

Conselho do campus São Paulo da Unifesp presta homenagem à professora Ieda com lembranças, palavras de...

Fim do conteúdo da página