Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > NOTÍCIAS > Coleta seletiva solidária é implementada no Campus São Paulo e na Reitoria
Início do conteúdo da página

Coleta seletiva solidária é implementada no Campus São Paulo e na Reitoria

Publicado: Segunda, 03 de Julho de 2017, 10h19 | Acessos: 1839

Os resíduos recicláveis serão disponibilizados às cooperativas participantes gratuitamente

Coleta seletiva

A Reitoria e o Campus São Paulo da Unifesp iniciaram um novo sistema de coleta seletiva que contempla todas as unidades da universidade situadas no município de São Paulo. A iniciativa da Comissão de Coleta Seletiva Solidária foi efetivada por meio da assinatura de um Termo de Compromisso com duas cooperativas participantes do edital de chamamento nº 001/2017.

Os resíduos recicláveis provenientes das coletas semanais serão disponibilizados gratuitamente às cooperativas ReciclaCity (ReciclaCity – Cooperativa de Trabalho e Produção de Colta e Triagem de Materiais Recicláveis) e CooperCaps (Cooperativa de Trabalho, Produção, Coleta, Triagem, Beneficiamento e Comercialização de Materiais Recicláveis Capela do Socorro).

“Além do caráter ambiental, estimulando a crescente segregação correta dos resíduos, e do formal, em atendimento à uma legislação, a implantação da coleta seletiva solidária possui um viés social, já que garante parte da renda dos cooperados das instituições credenciadas”, detalha o diretor do Departamento de Gestão e Segurança Ambiental (DGA/Unifesp), Julio César Bessa Monqueiro.

A Comissão de Coleta Seletiva Solidária, criada pela Pró-Reitoria de Administração (ProAdm), é formada por servidores do DGA e da Divisão de Serviços da Coordenadoria do Complexo Reitoria e Administração Central, na Reitoria, e pelas Divisões de Gestão Ambiental e de Serviços, do Campus São Paulo.

Anteriormente à implantação dessa coleta, o DGA trabalhou, em conjunto com o Escritório Técnico de Apoio à Gestão e Assuntos Estratégicos (Etagae), na revisão dos Termos de Referência para contratação de serviços de limpeza e conservação, para que haja treinamento continuado e exigência de continuidade no processo de segregação dos resíduos por parte das contratadas.

O departamento também tem atuado na educação ambiental de técnicos e servidores, que através do correto procedimento na separação dos recicláveis, são o início de todo o processo. Além dos constantes treinamentos, em breve cartazes de conscientização serão espalhados digitalmente e fisicamente próximo a pontos de interesse, como lixeiras.

Por meio da Câmara Técnica de Gestão e Segurança Ambiental, outros campi da Unifesp também estão em processo de implementação da coleta seletiva solidária, utilizando o mesmo material e procedimentos da Reitoria e Campus São Paulo, por sua vez inspirado no Campus Guarulhos, pioneiro neste tipo de implantação.

Categoria:

Novembro azul: "Ela têm próstata"

O Clube do Saber trará pílulas do conhecimento neste mês

Seus ossos não fazem parte de um quebra-cabeça

Previna-se contra a osteoporose

Outubro Rosa e o autocuidado

Faça os exames de rotina e, na dúvida, busque um especialista

Fim do conteúdo da página