Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > NOTÍCIAS > Você já parou para pensar o quão é importante cuidar da alimentação diária?
Início do conteúdo da página

Você já parou para pensar o quão é importante cuidar da alimentação diária?

Publicado: Segunda, 31 de Agosto de 2020, 15h01 | Acessos: 7309

Dia do Nutricionista - 31 de agosto

nutricionistaVocê sabia que em 31 de agosto é comemorado o Dia do Nutricionista? A data foi escolhida em homenagem à criação da Associação Brasileira dos Nutricionistas, em 1949, no Rio de Janeiro. O objetivo da data foi melhorar e desenvolver estudos acerca da qualidade da alimentação e de todo o campo da nutrição.

Nutricionista é o profissional que se dedica a promover, recuperar e manter a saúde através dos alimentos. E, com isso, ajudar o paciente a começar a sentir alívio de sintomas que até então eram vistos como normais, tais como enxaqueca, falta de energia e de motivação, agitação mental, falta de foco, constipação intestinal, má digestão, azia, grande produção de gases e insônia, dentre outros.

Um dos desafios atuais da profissão é exatamente esse: mostrar à população que é possível ter prazer na alimentação, desde que a escolha dos alimentos e a forma de preparo sejam adequadas. 

 

nutricao saudavel

Evite os alimentos ultraprocessados, como salgadinhos, margarinas, macarrões instantâneos e refrigerantes.

Limite o consumo de alimentos processados, como queijos, pães e enlatados.

Modere o uso de sal, açúcar, óleos e manteiga.

Prefira os alimentos frescos, orgânicos e naturais.

 

Áreas de atuação

Existem muitas áreas em que esse profissional pode atuar. Independentemente do local, seu objetivo final é sempre promover a alimentação saudável e proporcionar mais qualidade de vida às pessoas.

 

areas nuricionistas

 

Nutrição Clínica: É a especialidade que atua na prevenção e o tratamento de doenças e problemas de saúde associados à alimentação. O nutricionista clínico presta atendimento individualizado para pessoas com os mais diversos objetivos. Atuando em clínicas e consultórios, o profissional pode elaborar um plano alimentar específico, prescrever suplementos e prestar orientações para quem busca: 

  • Controlar a diabetes, o colesterol, a hipertensão e outras doenças;
  • Emagrecer ou ganhar massa muscular;
  • Controlar alergias alimentares;
  • Reaprender a se alimentar depois de uma cirurgia bariátrica;
  • Fazer reeducação alimentar para ter uma vida mais saúdável;
  • Evitar ou eliminar o consumo de glúten ou lactose.

O nutricionista busca conhecer o estilo de vida, as preferências alimentares e as condições orgânicas do paciente para assim promover a reeducação alimentar e proporcionar melhores condições de saúde.

Nutrição Esportiva: O profissional especializado na área esportiva atende atletas profissionais ou amadores, proporcionando benefícios a eles por meio da alimentação. Para trabalhar com esse público, o nutricionista precisa ter conhecimento técnico sobre cada modalidade esportiva além de dominar aspectos de fisiologia e bioquímica humanas no contexto do exercício. A sua presença é frequente em equipes e clubes, mas também pode atuar em consultório, de forma semelhante ao clínico, e prestar atendimento individual. Pode indicar planos e suplementos alimentares dependendo das exigências do esporte ou da atividade física com diversos objetivos, tais como:

  • Atingir ou manter o peso adequado;
  • Aumentar a força, a velocidade ou a resistência durante a prática esportiva;
  • Reduzir o tempo de recuperação do organismo depois do treino;
  • Melhorar o desempenho do atleta em geral.

Nutrição Funcional: Todo bacharel em Nutrição que atende pacientes de forma individualizada leva em consideração as necessidades de cada um, mas essa preocupação é ainda maior para o profissional que se especializa na parte funcional. Este segmento busca entender como as necessidades e os desequilíbrios orgânicos do paciente estão relacionados à sua alimentação, seja pela falta ou pelo excesso de determinados nutrientes. A Nutrição Funcional explora o alimento ao máximo, não enxergando apenas os macronutrientes (proteínas, carboidratos e gorduras), mas sim toda sua composição, propriedades químicas, terapêuticas e bioativas. O especialista analisa a individualidade bioquímica e genética para elaborar o plano alimentar que atenda a parte nutricional em nível celular e reduza as inflamações. 

Nutrição Comportamental: O grande objetivo da nutrição comportalmental é ajudar as pessoas a se relacionarem melhor com a comida e com o corpo, ou seja, buscar reduzir ou extinguir o sentimento de culpa ao comer e o descontrole alimentar que é ocasionado, muitas vezes, por emoções e sentimentos como: raiva, tristeza, medo, preocupação, tédio e tantos outros. A atuação do profissional envolve muita escuta, conversa e técnicas, em vez de elaborar dietas, para auxiliar a pessoa a construir um relacionamento positivo com a comida e a adotar uma alimentação saudável como consequência. Essa abordagem é principalmente para quem tem dificuldade de seguir dietas e/ou não aguenta mais fazer restrição e ter compulsões alimentares. 

Outras áreas de atuação do nutricionista:

  • Nutrição domiciliar, ambulatorial e hospitalar;
  • Indústria de alimentos e suplementos alimentares;
  • Gastronomia: criação de pratos exclusivos, elaboração de cardápios com restrições alimentares;
  • Cozinha industrial: cozinha de escolas, hospitais, hotéis, empresas, etc.

 

Categoria:

Novembro azul: "Ela têm próstata"

O Clube do Saber trará pílulas do conhecimento neste mês

Seus ossos não fazem parte de um quebra-cabeça

Previna-se contra a osteoporose

Outubro Rosa e o autocuidado

Faça os exames de rotina e, na dúvida, busque um especialista

Fim do conteúdo da página