Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > NOTÍCIAS > Oficina de Prevenção em Saúde Bucal para Adolescentes
Início do conteúdo da página

Oficina de Prevenção em Saúde Bucal para Adolescentes

Publicado: Quarta, 11 de Abril de 2018, 12h29 | Acessos: 4031

Serão atendidos 15 adolescentes por semana

 

Oficina saude bucal

O ambulatório de Odontologia do Setor de Medicina do Adolescente comunica que já estão abertas as inscrições para os interessados em sua Oficina. Desde 2001 o serviço atende o seu público alvo, adolescentes na faixa etária de 10 a 19 anos, realizando procedimentos preventivos. Foi feito um levantamento interno com 330 pacientes atendidos no ano de 2009 e observou-se que a prevalência de cárie acompanha o declínio observado mundialmente com uma média de índice de Dentes Cariados, Perdidos e Obturados (CPOD) de 2,63 nessa idade. Por outro lado, a prevalência de doença gengival encontrada foi muito alta, 79,1 % dos examinados, apresentavam algum grau da doença.

Os adolescentes consultados no ambulatório foram diagnosticados com gengivite, que é a doença gengival mais frequente e que é reversível com cuidados adequados de higiene. “Desde então, resolvemos atender grupos dos nossos adolescentes realizando palestras para reforçar o conhecimento deles em saúde bucal”, explica Rosa Maria Eid Weiler, coordenadora da Área de Odontologia do Setor de Medicina do Adolescente-Especialidades Pediátricas- Departamento de Pediatria- da EPM/Unifesp.

Fomos aprimorando esses encontros, e, atualmente, fazemos além de uma breve palestra, ações interativas, que funcionam melhor como estratégias motivadoras.
“Entendemos que essas ações poderiam ser estendidas aos adolescentes atendidos em outros ambulatórios do Hospital São Paulo, melhorando o seu conhecimento em saúde bucal, de forma geral, e, não apenas, dos que são atendidos em nosso Setor”, almeja, Weiler.

Participam também da Oficina e das palestas, Denise Caluta Abranches, coordenadora do Serviço de Odontologia do Hospital São Paulo- Hospital Universitário da Unifesp e Maria Sylvia de Souza Vitalle, chefe do Setor de Medicina do Adolescente/Disciplina de Especialidades Pediátricas/ Departamento De Pediatria/Escola Paulista de Medicina/ Unifesp.

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 
Categoria: ,

Desafios enfrentados para uma assistência mais segura

15/05 celebra o Dia Nacional do Controle das Infecções Hospitalares

Família: diferentes formatos, mas as mesmas relações de afeto e cuidado

15 de maio - Dia Internacional da Família

Enfermagem: profissão do passado, presente e futuro

12 de maio: Dia Mundial do(a) Enfermeiro(a) e Internacional da Enfermagem

Fibromialgia e Síndrome da Fadiga Crônica

12 de maio, dia de conscientização destas enfermidades

Fim do conteúdo da página