Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > NOTÍCIAS > Pesquisa analisará os efeitos do período de quarentena na saúde dos estudantes da Unifesp
Início do conteúdo da página

Pesquisa analisará os efeitos do período de quarentena na saúde dos estudantes da Unifesp

Publicado: Terça, 28 de Abril de 2020, 13h15 | Acessos: 1022

Serão avaliados aspectos como segurança alimentar e nutricional, atividade física, ansiedade e comportamento alimentar

Por Juliana Cristina

PesquisaBaixadaQuarentena portal1

Pesquisadores do Campus Baixada Santista da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) estão realizando uma pesquisa com intuito de avaliar os efeitos do período de quarentena na saúde dos estudantes universitários da instituição.

Após a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarar pandemia, diferentes medidas têm sido tomadas como tentativa de minimizar os impactos causados pela covid-19. O isolamento social e o período de quarentena estão entre as recomendações para contenção do avanço da doença. No entanto, evidências científicas sobre os efeitos dessas medidas na saúde ainda são escassos. Por isso a importância desse estudo, além da questão do fornecimento de evidências mais consistentes para a saúde pública e para formuladores de políticas.

A pesquisa avaliará aspectos como consumo alimentar, segurança alimentar e nutricional, atividade física, ansiedade e comportamento alimentar em estudantes com idade entre 18 e 30 anos, regularmente matriculados nos cursos de graduação e pós-graduação da Unifesp.

O estudo será aplicado de forma on-line e está em sua primeira fase, ou seja, os estudantes estão sendo convidados a participar via redes sociais. Os interessados devem responder o formulário, clicando aqui.

Os questionários serão respondidos no início do estudo e em intervalos de vinte dias – procedimento que será repetido até o fim da quarentena. Após o término do período de quarentena, três e seis meses depois, os participantes serão convidados novamente a responderem os questionários, a fim de determinar os efeitos na saúde após esse período.

Todos os participantes devem concordar com o termo de consentimento livre e esclarecido que apresenta os detalhes da pesquisa. Os resultados serão divulgados por meio de relatório, preservando o anonimato dos participantes. É esperado que aproximadamente 550 estudantes participem do estudo e tenham, pelo menos, dois questionários respondidos.

A pesquisa está sendo conduzida pelo professor Daniel Henrique Bandoni, do Departamento de Saúde, Clínica e Instituições, e foi aprovada pela Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (Conep).

 

 

Categoria:

Periódico destaca artigo de doutorando do Departamento de Biofísica

Material saiu na contracapa do Soft Matter da Royal Society of Chemistry

Fim do conteúdo da página