Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias > Inscrições abertas para o Prêmio Brasil Amigo da Criança
Início do conteúdo da página

Inscrições abertas para o Prêmio Brasil Amigo da Criança

Publicado: Sexta, 24 de Setembro de 2021, 12h48 | Acessos: 11405

Organizado pelo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos

Estão abertas as inscrições para o Prêmio Brasil Amigo da Criança, organizado pelo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH) - até 16 de outubro. Poderão se inscrever pessoas físicas e instituições sem fins lucrativos que executem, há pelo menos um ano, ações de fortalecimento dos direitos de crianças e adolescentes, além de apoiar a implementação de políticas públicas em Direitos Humanos.

O edital de chamada pública que descreve todas as categorias, as formas de participar, prazos e etapas da seleção foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) - clique aqui para acessar. Além de dar visibilidade e premiar as boas práticas, o certame também pode ser uma oportunidade de proporcionar a troca de experiências e informações entre o poder público e a sociedade civil.

Premiação

O prêmio será dividido em sete categorias:

  • Atuação em emergência humanitária e calamidades – que não necessita do prazo de atuação de um ano;
  • Prevenção e enfrentamento de todas as formas de violência;
  • Promoção dos Direitos da Criança e do Adolescente;
  • Incidência política, controle social e participação em conselhos;
  • Crianças indígenas, quilombolas, e comunidades tradicionais;
  • Criança e adolescente com deficiência; e,
  • Fortalecimento das capacidades protetivas das famílias.

Serão condecoradas as três melhores práticas de cada categoria.

A premiação ocorrerá no dia 19 de novembro, em Brasília (DF), em alusão ao Dia Internacional dos Direitos da Criança. Os vencedores receberão medalhas e certificados de reconhecimento.

Para dúvidas e mais informações sobre o Prêmio, entre em contato por meio do e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

 

Com informações do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 
Categoria:

Fim do conteúdo da página