Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Nota Técnica 32 - Posicionamento e ações do Campus São Paulo – Unifesp frente ao aumento de casos de Covid-19

Publicado: Domingo, 22 de Maio de 2022, 21h20 | Acessos: 10131

É importante manter as medidas de prevenção

comunicasp nota32top

23 de maio de 2022

Depois de dois meses de estabilidade, a taxa de transmissão do SARS-CoV-2 (Covid-19) voltou a crescer. Temos observado aumento de exames positivos e alta nas hospitalizações em São Paulo, bem como aumento de mortes por Covid-19. Esses números são bem inferiores ao cenário epidemiológico de janeiro de 2022, mas é preocupante. Certamente, a alta cobertura vacinal, especialmente em São Paulo, está sendo fundamental para evitar muitas internações e mortes. O aumento de casos também tem relação direta com novas infecções causadas pelas variantes do vírus como XE, ômicron com suas sub variantes BA.1, BA.2, BA.3 e BA.4, todas já identificadas no Brasil. A chegada do inverno e a flexibilização de medidas de prevenção aumentam a transmissão das doenças respiratórias tanto do SARS-CoV-2 como por vírus respiratórios.

No Campus São Paulo, o Comitê de Retorno Seguro se reúne semanalmente, às sextas-feiras às 13:00h, para avaliar a situação epidemiológica da Covid-19 e a segurança das atividades curriculares, bem como a realização de eventos extra-curriculares nos espaços do Campus São Paulo.

Temos colocado como prioridade a graduação para que presencialmente ocupem os anfiteatros, os laboratórios e as salas de aula. Eventos acadêmicos, cursos de pós-graduação e de extensão, temos estimulado a manutenção no formato on-line, exceto aqueles que a participação presencial seja fundamental.

De forma geral, os trabalhadores da saúde e estudantes do Campus São Paulo, assintomáticos, que tiveram exposição sem proteção a casos de covid-19, não precisam de restrição ao trabalho ou às atividades de ensino, se estiverem em dia com todas as doses recomendadas da vacina para covid19 e não desenvolverem sintomas. Porém, devem manter rigorosamente as medidas de proteção, especialmente o uso de máscara e a higiene das mãos. O uso da máscara tem grande importância nesta situação, pois bloqueia a excreção de gotículas durante a fala, espirros e tosse.

Importante que todos que apresentem síndrome gripal (coriza, tosse, falta de ar, dificuldade de respirar, dor de garganta, perda ou diminuição do olfato, alteração do paladar) procurem imediatamente o Serviço Médico dos Alunos ou dos Funcionários para orientação, conduta e realização de exame para SARS-CoV-2 (Covid-19).

O afastamento das atividades e isolamento dos trabalhadores da saúde que evoluem com síndrome gripal por SARS-CoV-2, casos leves e moderados de covid-19, deverá ser feito por 7 (sete) dias, desde que apresentem melhora dos sintomas respiratórios, sem febre há pelo menos 24 horas
e sem o uso de antitérmicos.

Em todas as situações, as medidas de prevenção devem ser mantidas rigorosamente, principalmente o uso de máscara nas salas de aula ou em reuniões, higiene das mãos com frequência e manter os ambientes bem ventilados.

Enfatizamos a importância de manter as medidas de prevenção contra a Covid-19 em todo o Campus São Paulo:

1. Todos os frequentadores do Campus São Paulo devem estar com a vacinação para covid-19 atualizada com as três doses. Não deixe de atualizar a vacinação, incluindo a vacina para gripe (Influenza).

2. O uso de máscara continua obrigatório em todos os ambientes do Campus São Paulo, não tirem a máscara durante as atividades;

3. No refeitório e nos restaurantes, o horário de almoço deve ser reduzido ao mínimo necessário para realizar a refeição. Manter o distanciamento entre as pessoas. Durante a refeição não converse, pois você estará sem máscara;

4. Higienize as mãos com frequência com água e sabão ou álcool-gel;

5. Mantenha limpo seu ambiente de trabalho como teclado, mesa etc.;

6. Não venha trabalhar se tiver febre (>37,8°C) ou sintomas gripais (coriza, tosse, falta de ar, dificuldade de respirar) dor de garganta, perda ou diminuição do olfato, alteração do paladar. Se apresentar sintomas de síndrome gripal, procure o Serviço Médico dos Alunos ou dos Funcionários para orientação e conduta.

Todos estamos empenhados para que o retorno das atividades presenciais seja um sucesso e, neste momento, é fundamental que os alunos sigam rigorosamente as medidas de prevenção.

Comitê de Enfrentamento da Covid-19 do Campus São Paulo - Unifesp

 

Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 
Categoria:

A Unifesp conta com seu voto para obter recursos!

Votação acontece até o dia 30 de junho

Em visita ao HSP e laboratórios da Unifesp, deputado federal acompanha aplicação de emendas parlamentares

Unifesp mantém diálogo com deputados em busca de mais recursos para atividades de assistência,...

Calendário Eleitoral 2022 e Condutas Vedadas aos Agentes Públicos Federais

Atenção para os cuidados a partir de 2 de julho

Fim do conteúdo da página